ANAEC - Associação Novaandradinensse de Educação e Cultura

Portal do Aluno

Berçario

O nosso berçário oferece ambiente seguro, calmo, criativo, lúdico e acolhedor para que crianças, a partir de 3 meses de idade, vivenciem diversas situações de aprendizagem.

O cuidar e educar acontece em um espaço repleto de estímulos e afeto. Ao sentir-se acolhida, a criança se sente segura e confiante, garantindo seu bem estar físico e emocional.

Para que isso aconteça, elaboramos uma rotina de brincadeiras que propicia a integração entre os aspectos físicos, emocionais, afetivos, cognitivos e sociais do bebê por meio de uma relação intensa com a berçarista.

Estimulamos seu desenvolvimento com atividades motoras, de linguagem e sensoriais em ambientes ao mesmo tempo desafiadores e seguros.Em relação à autonomia, criamos situações que viabilizam a construção do vínculo afetivo e de um ambiente de cumplicidade no grupo. Buscamos tornar o berçário uma extensão da casa, garantindo que todas as necessidades do bebê sejam atendidas com eficiência e afeto em espaços higienizados. E os pais são sempre bem-vindos a qualquer momento do dia.

A fase de adaptação do bebê é feita em conjunto com a mãe durante pelo menos uma semana, período em que ela fica diariamente na escola por cerca de duas horas. Nestes dias são passados os hábitos familiares – como o filho se alimenta, toma banho, dorme, como prefere ser acolhido etc, o que permite que o bebê vá construindo uma relação afetiva com cada berçarista, e que a adaptação seja mais tranquila possível.

Em um ambiente rico em comunicação e interação, os bebês aprendem a expressar desejos, necessidades e sentimentos. Através das experiências com o corpo, seja manipulando objetos, deslocando-se ou controlando suas ações, as crianças vão construindo sua identidade e atribuindo significado a si mesmas, ao outro, e ao mundo.

A curiosidade em relação ao espaço conduz as crianças a explorar o ambiente com os olhos, nariz, boca, ouvidos, mãos e pés. Eles observam todos os movimentos no decorrer da rotina, as diferenças e semelhanças das coisas, a percepção das vozes e dos gestos. Enfrentam uma diversidade de desafios motores e assim vão conquistando o espaço